Artigo demonstra envolvimento da política externa entre Brasil e 192 países

Foi publicado na revista Foreign Policy Analysis o artigo intitulado “Measuring International Engagement: Systemic and Domestic Factors in Brazilian Foreign Policy from 1998 to 2014“, de autoria do pesquisador Pietro Rodrigues, em parceria com os pesquisadores Francisco Urdinez (PUC-Chile) e Amâncio Jorge Silva Nunes de Oliveira (IRI-USP).

O estudo propõe um novo olhar sobre o padrão e as consequências das escolhas internacionais recentes do Brasil (1998-2014). Os pesquisadores apresentam, no Foreign Policy Index, um índice que mensura o nível de envolvimento da política externa entre o Brasil e 192 países ao longo de dezesseis anos e leva em conta decisões tomadas por diferentes atores governamentais.

Pietro explica que, ao contrário dos discursos e posições dominantes, a pesquisa demonstra que o Brasil conseguiu expandir suas relações no período tanto para o Sul Global quanto para o Norte Global, e que a ideologia do Partido dos Trabalhadores desempenhou um papel importante na condução da mudança em direção aos países em desenvolvimento, sem que isso representasse um afastamento com relação aos países desenvolvidos. Os resultados e a metodologia proposta também contribuem para um debate clássico na literatura de análise de política externa: a origem das mudanças em política externa, se doméstica ou sistêmica/ internacional.

As bases de dados e o indicador estão disponíveis e podem servir de subsídios para análises temporais sobre a política externa brasileira.

As mudanças do padrão de engajamento externo brasileiro podem ser vistas em: http://www.openheatmap.com/embed.html…

Veja também